28/01/2022
Judia que odiava Israel encontra perdão em Jesus
Mulher em busca de perdão encontrou a fé em Jesus e se reconectou com sua herança judaica
Emily Emanuel (Foto: Reprodução/YouTube)

Emily Emanuel cresceu sem aceitar sua identidade judaica. Seu avô foi um sobrevivente do Holocausto que escapou do campo de concentração alemão e embarcou em um trem para Nova York, ele então construiu uma família e continuou sua cultura judaica.
No entanto, Emily não gostava de ser identificada como Judia, então, como tópico para sua dissertação, ela escolheu o conflito de Israel e Palestina por um ângulo anti-Israel. Ela recebeu o apoio de seu namorado e seus amigos na escolha de seu tópico, pois todos também eram contra o povo de Israel.
Entretanto, o seu namoro terminou e ela ficou infeliz e sem esperança, lutando com ansiedade e falta de perdão. Ela recebeu então um convite de sua avó para ir à igreja. Uma vez lá, tudo era muito diferente do que ela esperava. Além disso, todos estavam felizes, parecendo ter a alegria que ela estava procurando.
Os louvores e orações a tocaram de uma forma surpreendente e ela sentiu como se um peso fosse retirado de seus ombros, e uma alegria esmagadora consumiu seu coração. A fé recém-descoberta de Emily a reconectou à sua herança judaica e a ajudou a abraçar sua identidade como judia.
“Minha herança judaica e a fé em Jesus andaram de mãos dadas. Não havia nada separado sobre isso. Encontrei a solução para o conflito no Oriente Médio. Eu vi com meus próprios olhos que judeus e árabes podem se unir plenamente em Jesus”, afirmou ela segundo One for Israel Ministry.